Introdução: dando passos em direção à fábrica inteligente

O desafio de iniciar o processo pode parecer assustador. As diversas soluções para tornar uma indústria inteligente fornecem uma série de caminhos, e para prosseguir essa jornada, é necessário um escopo definido, planejado e executado em um ritmo adequado à organização.

Pense grande, comece pequeno e escale rapidamente, mas mantenha-se fundamentado nas necessidades específicas da fábrica

Os investimentos feitos para tornar uma indústria inteligente geralmente começam com o foco em oportunidades específicas. Uma vez identificadas, a digitalização e a geração de insights proporcionam ações que podem agregar valor. Construir e escalar uma indústria inteligente, no entanto, pode ser tão ágil e flexível quanto o próprio conceito. Os fabricantes podem iniciar o caminho em qualquer nível. A criação de valor pode começar e escalar a partir de um único ativo e usar uma abordagem ágil para iterar e crescer.

De fato, pode ser mais eficaz começar pequeno, testar conceitos em um ambiente gerenciável e depois escalar quando as lições forem aprendidas. Quando uma “vitória” é alcançada, a solução pode ser ampliada para ativos, linhas de produção e fábricas adicionais, criando assim uma oportunidade de criação de valor potencialmente exponencial:

  1. Ativo: Maximize a performance de um único equipamento;

  2. Linha de produção: Melhore a performance de uma série de equipamentos interdependentes;

  3. Fábrica: Otimize a performance de uma planta industrial através de melhor operação dos equipamentos e decisões baseadas em dados;

  4. Rede operacional:Maximize a performance da cadeia produtiva compartilhando dados com a rede responsável pelo desenvolvimento do produto e por abastecimento de suprimentos em tempo real.

A estratégia e o ambiente de fabricação de uma empresa determinarão quais problemas específicos serão abordados e a maneira de agregar valor por meio de soluções inteligentes. E a personalização da abordagem para cada cenário e situação podem ajudar a garantir que a indústria inteligente resultante atenda às necessidades da corporação.

Não comece e termine com as tecnologias

A jornada da indústria inteligente requer mais do que apenas um conjunto de ativos conectados. Os fabricantes precisariam de uma maneira de armazenar, gerenciar, entender e agir com base nos dados coletados. Além disso, as empresas precisam do talento certo para conduzir a jornada e os processos certos. Cada jornada da indústria inteligente exigirá suporte de transformação nas dimensões de design da solução, tecnologia e gerenciamento de mudanças.

Pense fora das quatro paredes

Como mencionado anteriormente, as soluções para tornar a indústria inteligente são soluções holísticas, unindo o que acontece dentro das quatro paredes da fábrica ao que acontece em toda a rede de suprimentos. Portanto, para alcançar um resultado verdadeiramente bem-sucedido, qualquer organização que embarque na jornada da indústria inteligente deve considerar ter desde o início, integrado no processo, toda a gama de parceiros e clientes da cadeia de suprimentos. Já que ações que contemplam um nó ou uma parte interessada podem afetar os outros.

Caso queira saber mais sobre a indústria inteligente e como podemos te ajudar no processo de implementação, entre em contato com a hazel.

Referência: Deloitte(2017) - The smart factory

Leonardo Ribeiro

COO

saiba mais

Não perca mais tempo, você precisa de inteligência baseada em dados